O diamante incolor mais caro do mundo

Imagem da notícia: O diamante incolor mais caro do mundo

Depois de ter atingido em 1993, num leilão da Christie, os 5,11 milhões de euros, o “Arquiduque José”, conhecido por ser o maior diamante, sem qualquer imperfeição, extraído das minas indianas Golconda, atinge agora os 16,89 milhões, o valor mais alto de sempre atribuído a um diamante incolor, noticiou o Expresso.

O diamante, de 76 quilates, cor D, foi arrematado por um comprador anónimo, em Novembro, por um valor que, face à atual conjuntura, surpreendeu a leiloeira.

Tendo pertencido ao arquiduque José Augusto da Áustria (1872-1962), foi agora vendido pela empresa norte-americana de joalharia Black, Starr & Frost.

Das minas Golconda, desativadas no século XVIII, saíram outras raridades como o “Koh-i-noor” e o “Diamante da Esperança”.

4 Janeiro 2013
Atualidade

Notícias relacionadas

Candidaturas abertas para o Programa Apoiar.pt

Já pode registar a sua empresa ou organização no Balcão Portugal 2020, caso pretenda requerer o novo apoio dirigido aos negócios mais afetados pela pandemia Covid-19, nomeadamente na área do comércio.

Ler mais 27 Novembro 2020
AtualidadeJoalharia e ourivesaria

Yvel desenvolve máscara de proteção mais cara do mundo

A máscara de proteção mais cara do mundo custa cerca de 1,3 milhões de euros e foi desenvolvida pela Yvel, marca de joalharia israelita. O equipamento de proteção individual deverá incluir mais de 3.600 diamantes brancos e pretos.

Ler mais 26 Novembro 2020
AtualidadeJoalharia e ourivesaria