“Privilegiamos o que é nacional”

Imagem da notícia: “Privilegiamos o que é nacional”

Portugal conheceu uma nova marca dedicada às joias: a My Koin. O leque de produtos é inerentemente aplicado às moedas intercambiáveis, de forma a criar medalhas de vários formatos, cores e simbologias em fios de prata.

“Estamos a fazer o lançamento de uma marca portuguesa, fabricada em Portugal”, disse-nos Miguel Nunes, responsável pela My Koin.

“A prata com toque 925 une-se com moedas que podem ser igualmente de prata, de aço, ou uma mistura de ambos os metais. Existem inclusive alguns produtos com elementos swarovski. Esta tendência surgiu na Europa com imenso sucesso em 2013, pelo que decidimos aproveitar o conceito criando uma marca fabricada em Portugal, adaptando as temáticas, assim como os preços e investimentos às nossas necessidades, cultura e gostos. Privilegiamos o que é nacional e pensamos que o caminho de sucesso passa por esta estratégia. Veremos se os clientes e o consumidor também valorizam estes pressupostos”, explicou-nos Miguel Nunes.

Embora a marca disponibilize principalmente medalhas e moedas, tem incluído no seu portefólio também anéis e aço, na procura de preços mais acessíveis ao consumidor. Pela experiência na PortoJoia, a aposta foi ganha.

“A marca tem suscitado curiosidade, pelo que concretizámos vários negócios”, concluiu o responsável.

3 de Novembro, 2014
Atualidade

Notícias relacionadas

E-Lapidar: revisite a sessão sobre o Mercado Alemão

Os Mercados Externos, mais concretamente o da Alemanha, foi o tema da conferência digital E-Lapidar, promovida pela AORP, para um debate sobre este mercado e a orientação do setor em tempos de pandemia.

Ler mais 19 de Junho, 2021
AtualidadeEventos e formaçãoJoalharia e ourivesaria

Leitão & Irmão cria troféu em prata e ouro

O Mirpuri Foundation Sailing Trophy é uma criação e manufatura do troféu perpétuo para regatas de vela instituído pela Mirpuri Foundation. A Casa Leitão & Irmão sente o “privilégio” em abraçar este desafio com “particular empenho”.

Ler mais 16 de Junho, 2021
AtualidadeCuriosidade