PortoJoia espelha 25 anos de sucesso com uma feira especial

Imagem da notícia: PortoJoia espelha 25 anos de sucesso com uma feira especial

O ano de 2014 representa uma edição muito especial para a PortoJoia. Completou as “bodas de prata”, ou seja, 25 anos a promover o setor português da Ourivesaria, Joalharia e Relojoaria, missão que confere a este certame o estatuto de principal feira de luxo em território nacional. “A história da PortoJoia cruza-se com o percurso de sucesso de muitas empresas”, disse-nos Amélia Monteiro, diretora da feira.

JoiaPro: Que novas atividades apresentou a PortoJoia nesta 25ª edição?

Amélia Monteiro: Convidámos o Turismo Industrial: S. João da Madeira a apresentar-se na nossa feira. Foi uma participação interessante, para mostrar às empresas a importância do turismo neste setor e principalmente para que os visitantes conheçam de perto o que é o negócio da Ourivesaria. O espaço “Photo by PortoJoia”, junto ao ‘stand’ da Associação de Ourivesaria e Relojoaria Portuguesa (AORP) correu maravilhosamente bem. Convidámos uma jovem manequim e fotógrafo profissionais para promoverem uma sessão de fotografias com joias das empresas, para promoção interna destas marcas. O espaço Jovem Criadores representou o nosso papel, enquanto organizador da feira, de aproximar os jovens estudantes ao mundo empresarial. Paralelamente, tivemos uma sessão de debates no Espaço Lounge do certame, para falar de temas importantes, tal como formas de construir uma marca em Joalharia.

Leia a entrevista na íntegra na próxima edição da JoiaPro.

30 de Setembro, 2014
Entrevistas

Notícias relacionadas

“A joalharia só pode ser feita com amor”

Quem o diz é José João Vilares, um eterno apaixonado pela ourivesaria e fundador da escola de joalharia contemporânea Engenho & Arte, sediada no Porto. Numa conversa intimista, o responsável revelou-nos que este projeto nasceu do sonho de impulsionar a joalharia contemporânea, preservando sempre as técnicas mais ancestrais desta arte.

Ler mais 7 de Outubro, 2020
EntrevistasJoalharia e ourivesaria