Anéis inovadores

Imagem da notícia: Anéis inovadores

A Ourivesaria Freitas, talvez a mais emblemática de Viana do Castelo, surpreendeu o sector ao criar os primeiros anéis especiais para casais do mesmo sexo.


As peças são trabalhadas na típica filigrana portuguesa e apresentam-se agora como uma forte hipótese na escolha de alianças por parte de casais homossexuais. Para Manuel Freitas, proprietário do espaço, “toda a gente deve ter direito a aliança”.


A proposta do criador mostra-se ousada, até pela cidade onde foram criadas. “Em Viana do Castelo será mais difícil vender porque falamos de uma cidade conservadora, onde as pessoas não se querem expor”. No entanto “existem outras pessoas, de fora, que poderão vir cá comprar ou encomendar”, sustenta Manuel Freitas.


Os anéis de prata custam 14 euros, e os de ouro podem atingir os 300 euros. O anel simboliza o casamento entre pessoas do mesmo sexo e constitui mais uma prova da versatilidade do ourives, que já desenhou alianças para divorciados e até para cibernautas.

20 Janeiro 2010
Entrevistas

Notícias relacionadas

“A joalharia só pode ser feita com amor”

Quem o diz é José João Vilares, um eterno apaixonado pela ourivesaria e fundador da escola de joalharia contemporânea Engenho & Arte, sediada no Porto. Numa conversa intimista, o responsável revelou-nos que este projeto nasceu do sonho de impulsionar a joalharia contemporânea, preservando sempre as técnicas mais ancestrais desta arte.

Ler mais 7 Outubro 2020
EntrevistasJoalharia e ourivesaria