Já conhece a nova diretora das contrastarias?

Imagem da notícia: Já conhece a nova diretora das contrastarias?

Paula Pedro é mais recente diretora da Unidade das Contrastarias e de Fiscalização da Imprensa Nacional – Casa da Moeda (INCM). As contrastarias são uma área relevante da empresa, pela sua ligação à tradição de ourivesaria portuguesa que tem vindo a reinventar-se, adaptando-se aos novos tempos. O acréscimo das competências na área da Fiscalização vem dotar este departamento de mais uma valência essencial para cumprir a sua missão de garantir a segurança do consumidor final através da marca de certificação, e, assim, assegurar a confiança no setor de ourivesaria e relojoaria, evitando a concorrência desleal entre operadores económicos num mais eficaz combate a falsificação.

A vida profissional de Paula Pedro na INCM começa em 2014 com a coordenação da equipa de Planeamento e Controlo de Gestão. Aqui foi responsável pela eficácia do Sistema Integrado de Gestão que, sob a sua direção, obteve várias novas certificações. Mais recentemente, assumiu também o cargo de diretora de Processos, Risco e Compliance com a missão de implementar boas práticas de gestão, desde a sustentabilidade à reengenharia de processos, de forma transversal.

Formada em Gestão pelo Instituto Superior de Economia e Gestão, está agora à frente da direção das Contrastarias da INCM, na qual é responsável por gerir todos os processos e métodos inovadores que pretendem melhorar a qualidade deste serviço já de excelência, incluindo a resposta aos obstáculos enfrentados pelo setor neste ano atípico.

18 de Novembro, 2020
Atualidade

Notícias relacionadas

Portugal Jewels apresenta coleção Joias de Marcassites

A Portugal Jewels apresenta a coleção Joias de Marcassites, uma seleção de anéis, brincos, colares, pulseiras e alfinetes com pedras naturais de Marcassites, réplicas em prata de peças clássicas da joalharia portuguesa do século XVIII. ⁠

Ler mais 24 de Setembro, 2021
AtualidadeOurivesaria

K di Kuore desvenda Easy Collection

Esta coleção distingue-se pelo uso da técnica tubogas, uma tradição artesanal que se tornou um “culto contemporâneo” graças ao “inovador design” da K di Kuore.

Ler mais 22 de Setembro, 2021
AtualidadeOurivesaria