TAG Heuer apresenta nova geração do relógio Connected

Imagem da notícia: TAG Heuer apresenta nova geração do relógio Connected

A TAG Heuer foi pioneira no segmento de relógios connected de luxo em 2015 e desde então introduziu uma variedade de modelos, mais recentemente o Connected Modular Golf Edition em 2019. Com a terceira geração do seu relógio visionário Connected, a TAG Heuer marca uma posição em termos de design e tecnologia que solidifica a sua posição como líder na categoria de relógios connected de luxo a longo prazo. 

O relógio TAG Heuer Connected combina de forma única o requinte e a elegância de um relógio inspirado no cronógrafo, criado através da mais pura tradição de relojoaria, com uma experiência digital disruptiva e com um design personalizado e orientado para a performance.

O novo modelo oferece aos clientes um relógio de pulso impressionante e versátil que pode melhorar o estilo de vida de cada um, desde serviços connected oferecidos diariamente pela Wear OS do Google™, até experiências desportivas dentro da nova aplicação TAG Heuer Sports, que permite um acompanhamento detalhado do golfe, corrida, ciclismo, caminhada, fitness e outros desportos, graças ao GPS e monitor de frequência cardíaca integrados no relógio, entre outros sensores.

A experiência no pulso é complementada por uma nova aplicação mobile TAG Heuer recém-desenvolvida que permite ainda uma maior personalização e insights sobre as conquistas de cada utilizador. 

18 de Março, 2020
Atualidade

Notícias relacionadas

Fevereiro em números

Fique a conhecer as cinco notícias mais lidas no nosso site durante o mês de fevereiro de 2021, segundo dados do Google Analytics.

Ler mais 1 de Março, 2021
Atualidade

Bom Carnaval

Apesar das circunstâncias, a equipa da JoiaPro deseja a todos os leitores e seguidores um ótimo Carnaval.

Ler mais 16 de Fevereiro, 2021
Atualidade

Covid-19: apoio excecional aos artesãos e às unidades produtivas artesanais

O IEFP vai atribuir apoio financeiro aos artesãos e às unidades produtivas artesanais com sede em território continental, como forma de incentivo à manutenção da atividade destas empresas, para fazer face à perda de rendimentos decorrente do cancelamento de feiras e certames de promoção e comercialização do artesanato originado pela crise pandémica Covid-19.

Ler mais 12 de Fevereiro, 2021
Atualidade