Norte em destaque

Imagem da notícia: Norte em destaque

O recente estudo da Sigma Team Consulting, realizado no âmbito da última PortoJoia, destaca a produção joalheira do Norte.

No documento está revelado que em todo o território nacional há cinco mil empresas, maioritariamente pequenas e médias, localizadas no Norte (mas a percentagem pode ascender aos 80 por cento, se se considerar toda a componente industrial). Mais uma vez, a generalidade centra-se no comércio a retalho.

Relativamente aos industriais, os fabricantes de joalharia e ourivesaria registaram uma contração significativa no período de análise. Por sua vez, o emprego associado a este nicho caiu 43 por cento entre 2004 e 2012, de forma ininterrupta, anualmente.

Quanto ao VAB, desceu 38 por cento, mas de forma intercalar (obteve uma ligeira subida entre 2009 e 2010). A única variável que não sofreu tanta oscilação foi a do volume de negócios, devido ao ‘boom’ da transação do ouro a partir de 2008.

Por outro lado, no mesmo período de tempo, o fabrico de relojoaria (incluindo empresas) sofreu uma subida de 233 por cento: aumento de 324 por cento no VAB e 176 por cento no emprego.

Saiba mais na JoiaPro 62!

 

14 Abril 2015
Atualidade

Notícias relacionadas

Candidaturas abertas para o Programa Apoiar.pt

Já pode registar a sua empresa ou organização no Balcão Portugal 2020, caso pretenda requerer o novo apoio dirigido aos negócios mais afetados pela pandemia Covid-19, nomeadamente na área do comércio.

Ler mais 27 Novembro 2020
AtualidadeJoalharia e ourivesaria

Yvel desenvolve máscara de proteção mais cara do mundo

A máscara de proteção mais cara do mundo custa cerca de 1,3 milhões de euros e foi desenvolvida pela Yvel, marca de joalharia israelita. O equipamento de proteção individual deverá incluir mais de 3.600 diamantes brancos e pretos.

Ler mais 26 Novembro 2020
AtualidadeJoalharia e ourivesaria