Ourivesaria e arte sacra em Cascais

Imagem da notícia: Ourivesaria e arte sacra em Cascais

No dia 27 de junho foi inaugurada a exposição “O brilho da Fé – Ourivesaria sacra em Bragança”, no Palácio da Cidadela de Cascais.

Despois de uma estadia no Museu do Abade de Baçal, deslocaram-se as obras de arte para Cascais, por intermédio do Museu da Presidência da República.

A primeira-dama portuguesa, Maria Cavaco Silva, foi convidada a abrir a exposição, que “contextualiza a função desempenhada por cada uma dessas peças na liturgia católica”, segundo a Agência Ecclesia.

A coleção é composta por joias, objetos de Ourivesaria e arte sacra da Diocese de Bragança-Miranda e do Museu do Abade de Baçal, entre “cálices, turíbulos, navetas, custódias, píxides e outras”. Destaque para a arca e ânforas dos Santos Óleos, as cruzes processionais do séc. XIX e uma custódia do séc. XVIII.

A exposição estará no Palácio da Cidadela de Cascais até ao dia 7 de setembro.

1 de Julho, 2014
Eventos e formação

Notícias relacionadas

E-Lapidar: revisite a sessão sobre o Mercado Alemão

Os Mercados Externos, mais concretamente o da Alemanha, foi o tema da conferência digital E-Lapidar, promovida pela AORP, para um debate sobre este mercado e a orientação do setor em tempos de pandemia.

Ler mais 19 de Junho, 2021
AtualidadeEventos e formaçãoJoalharia e ourivesaria