Miguel Cunha: O serviço pós-venda “é uma enorme aposta da nossa casa”

Imagem da notícia: Miguel Cunha: O serviço pós-venda “é uma enorme aposta da nossa casa”

Miguel Cunha formou-se em Direito pela Universidade Clássica de Lisboa e começou como gerente da Ourivesaria Portugal aos 24 anos, com “muita inexperiência mas cheio de vontade”, onde ainda se mantém até hoje. Garante que, com crise ou sem crise, as boas marcas e produtos têm sempre saída. O caminho passa pela qualidade.

JoiaPro: O serviço pós-venda é um dos pontos fortes da Ourivesaria Portugal. É um fator de diferenciação fundamental?

Miguel Cunha: É uma enorme aposta da nossa casa, que tranquiliza muito o consumidor. É isso que depois faz com que esta empresa tenha sempre futuro e o amanhã seja sempre relativamente tranquilo.

JP: Também devido a marcas conceituadas que representam, como a Omega, Breitling ou Gucci?

MC: Sim, mas muito assente na Rolex, que tem consolidado a primazia e liderança, uma marca exemplar. Na sua génese também representa os nossos valores como qualidade, serviço pós-venda, princípios fundamentais, tendo uma liderança mundial que se vai afirmando a cada dia e com uma distância cada vez maior para o número dois.

Conheça a entrevista completa na edição de junho da JoiaPro.

20 Junho 2018
Entrevistas

Notícias relacionadas